The touch of a chain

Bright dots watch, attentive.

Butterflies listen

in a continuous movement

here and there and here again.

 

The sky sings bright in the night darkness

and the melody

bathes the water

and washes away the pain.

 

The air smells like happiness

mantling everything on its way

and in a sweet embrace

releases the touch of a chain.

Anúncios

O céu

A cada respiro, um obstáculo.
Inspira
Julgamentos limítrofes
Espira
Cansaço frustrado.

Coração bate como ferida
que lateja dolorosa.

Para todos os lados
A vista é cerca
Para baixo
A vista é corrente
Para cima… ah!
Para cima a vista é céu!

É céu que as vezes
tempestade
É céu que as vezes
calmaria
É céu.

Quem carrega a chave
É sempre prisioneiro
Pois liberdade
aprisiona.

Como deixar pra trás
o Éden prometido
de campos verdejantes
e fresca água
cercado de amor farpado
e preso de falsa liberdade?

Tentadora a ideia
de uma vida ilusória.
Mas ah!, o céu…

Quem me dera um dia
minhas asas enfeitadas de coragem
pudessem se abrir e conhecer
o céu.